Leia o conto escrito especialmente para edição ZERO da linda revista de teatro ANTROPOSITIVO.
Para ler clique aqui.